AGROFRATER

Corpo de Bombeiros reforça novamente equipe para combate a incêndio em Cáceres nesta quarta-feira (26)

Os bombeiros orientam que a população denuncie a qualquer indício de incêndio pelos números 193 ou 190

Por Kariane Guerra em 27/06/2024 às 10:45:33

Christiano Antonucci/Secom

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT) enviou mais uma equipe para reforçar o combate aos incêndios florestais que atingem o Pantanal em áreas dos municípios de Poconé (104 km de Cuiabá) e Cáceres (a 220 km) nesta quarta-feira (26.06).

As ações de combate envolvem o emprego de 44 militares, um avião, um helicóptero, dois caminhões-pipa, sete caminhonetes, um barco, quatro pás-carregadeiras, duas motoniveladoras, um trator e um quadriciclo, além do monitoramento remoto com satélites feito pelo Batalhão de Emergências Ambientais, em Cuiabá.



Os reforços na equipe foram enviados à região de Porto Conceição, no município de Cáceres, onde o incêndio pulou a margem do rio na última segunda-feira (24), devido às rajadas de vento na região.

De um lado do rio, equipes do Corpo de Bombeiros realizam a construção de aceiros para confinar o fogo, enquanto do outro lado da margem outros militares fazem o contrafogo (o fogo controlado como estratégia para mudar a direção do incêndio). Ambas as equipes seguem no combate direto ao incêndio.

Importante ressaltar que a região de Porto Conceição é considerada de difícil acesso. Para chegarem aos pontos de incêndio, os militares contam com apoio de embarcações e de brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio) para o combate.

Já em Poconé, na região da Fazenda Cambarazinho, o incêndio segue confinado na área de aceiros construída pelo Corpo de Bombeiros. No local, os militares fazem no monitoramento e trabalho de rescaldo, para evitar que o fogo ultrapasse a barreira.

O Batalhão de Emergências Ambientais (BEA) faz o monitoramento de todos os incêndios florestais do Estado via satélite, para orientar as equipes em campo.




A estiagem severa e baixa umidade do ar têm contribuído para a propagação das chamas e o Corpo de Bombeiros pede que a população colabore e respeite o período proibitivo. A qualquer indício de incêndio, os bombeiros orientam que a denúncia seja feita pelos números 193 ou 190.

Incêndios extintos

O Corpo de Bombeiros extinguiu um incêndio florestal em Chapada dos Guimarães.

Focos de calor

Em Mato Grosso, são 160 focos de calor registrados nesta quarta-feira (26) conforme última checagem às 16h30, no Programa BDQueimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Deste total, 116 focos se concentram na Amazônia, 35 no Cerrado e 9 no Pantanal. Os dados são do Satélite de Referência (Aqua Tarde).

Importante ressaltar que o foco de calor isolado não representa um incêndio florestal. Entretanto, um incêndio florestal conta com o acúmulo de focos de calor.

Fonte: BOMBEIROS MT

Comunicar erro
WHATSAPP

Comentários