AGROFRATER

Produção de milho em MT pode superar as 47 mi t já esperadas, após novo levantamento

Novo levantamento do Imea aponta uma perspectiva de produtividade média de 113,53 sacas de milho por hectare

Por Kariane Guerra em 03/07/2024 às 14:41:40

Foto: Pedro Silvestre/Canal Rural Mato Grosso

Com cerca de 62% da área colhida, as lavouras de milho em Mato Grosso vêm apresentando bons resultados, tanto que as novas projeções apontam para uma produtividade média de 113,53 sacas por hectare. Um aumento de 3,18% na variação mensal, que deve contribuir para saldo de 47,3 milhões de toneladas nesta safra 2023/24.



Os números observados, de acordo com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), se devem ao bom desenvolvimento das lavouras colhidas até o final de junho, uma vez que o clima contribuiu em algumas regiões durante todas as fases da safrinha.

As regiões que mais se destacaram em termos de incremento de produtividade na variação mensal foram a oeste com 6,25% e a médio-norte com 6,15%. Na região oeste o salto foi de uma projeção média de 113,085 sacas por hectare para 120,12. O volume, inclusive, supera em 3,24% o rendimento médio observado na temporada passada de 116,36 sacas por hectare.

Ao se analisar a região médio-norte o salto foi de 113,08 sacas por hectare para 120,03 entre o levantamento divulgado no início de junho e o de julho. Perante a safra 2022/23 o volume projetado é próximo da média de 120,45 sacas por hectare colhidas.




Área estável, produção maior

Os números constam no Relatório de Oferta & Demanda do Imea, e também no projeto Imea em Campo divulgado nesta terça-feira (2), e mostram que a área segue mantida em 6,94 milhões de hectares, 7,31% a menos que na temporada passada.

Conforme o Instituto, diante do observado nos rendimentos médios na variação mensal, a perspectiva de produção foi revisada para 47,3 milhões de toneladas. Em junho as estimativas apontavam 45,8 milhões de toneladas.

O volume previsto segue como o segundo maior da série histórica, ficando atrás da safra recorde 2022/23, quando 52,5 milhões de toneladas de milho foram colhidas.

Fonte: Canal Rural MT

Comunicar erro
WHATSAPP

Comentários