AGROFRATER

Empresa chinesa projeta instalação de indústria de R$ 2 bi em Mato Grosso

O projeto visa a produção de aminoácidos a partir do milho e possui capacidade para processar 660 mil toneladas de cereal por ano

Por Kariane Guerra em 10/07/2024 às 15:27:09

Foto: Fiemt

A empresa chinesa Fufeng Group Limited projeta instalar uma indústria de fermentação biológica destinada à produção de aminoácidos a partir do milho em Mato Grosso. O projeto prevê um investimento de aproximadamente US$ 400 milhões, ou seja, cerca de R$ 2 bilhões, com capacidade para processar 660 mil toneladas de milho por ano.



A possibilidade de implantação da unidade fabril no estado foi debatida nesta terça-feira (9) durante visita de representantes da empresa na Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt).

A Fufeng Group Limited é líder global em biofermentação, com foco em produtos de nutrição animal, alimentos, bebidas, fármacos, entre outros.

A comitiva chinesa, liderada pelo gerente-geral do projeto da Fufeng no Brasil, Jinzhao Xu, já visitou as cidades de Sorriso, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Rondonópolis e Cáceres, com o objetivo de identificar o local ideal para a expansão do negócio.

"Queremos que a nossa nova planta fabril fique próxima de onde tenha o maior número possível de produção de milho", diz Jinzhao Xu durante o encontro.

Conforme o presidente do Sistema Fiemt, Sílvio Rangel, o interesse da empresa chinesa destaca o potencial de Mato Grosso na agroindustrialização. Ele ressalta ainda que "o estado está em um vertiginoso crescimento agroindustrial e, consequentemente, econômico".


Segunda visita em Mato Grosso

A visita da companhia chinesa faz parte de uma série de agendas de negócios marcadas pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de Mato Grosso (Sedec).

"A Sedec segue trabalhando pela internacionalização e prospecção de negócios para Mato Grosso. Já é a segunda vez da Fufeng aqui, estamos evoluindo nas tratativas e isso significa geração de emprego e renda, movimentação econômica e destaque para o estado. O governo do estado vem dando todo suporte e auxílio para que empresas possam instalar-se aqui", afirma o secretário da Sedec, César Miranda.

Atualmente, a empresa chinesa está presente na América do Norte, Ásia, Europa, e projeta chegar na América do Sul pela primeira vez, em território mato-grossense. Com produtos comercializados em mais de 115 países, a Funfeng realizou uma venda total de US$ 3,9 bilhões em 2023, emprega 20 mil funcionários e se destaca como um dos maiores produtores mundiais de goma xantana, glutamato monossódico (MSG) e aminoácidos.

Comunicar erro
WHATSAPP

Comentários